Como funciona o Seguro Fiança?
Procure sempre um advogado, prevenir sai mais barato - acautele-se!!!



O seguro fiança é uma apólice de seguro, que garante ao proprietário o recebimento em dia de aluguéis, encargos e eventuais prejuízos ao imóvel. Pode ser contratado por 12 meses, com renovação automática, ou pelo prazo legal de contrato (30 meses).

Para amenizar as despesas iniciais do inquilino, o prêmio do seguro pode ser diluído em até 12 parcelas, pagas junto com o aluguel.

Para a imobiliária, o sistema é vantajoso porque garante agilidade e praticidade na contratação, já que a análise cadastral e o risco ficam por conta da seguradora. Também evita que a imobiliária tenha de arcar com despesas judiciais e honorários advocatícios, caso precise fazer cobranças na Justiça. Também para o locador o seguro fiança é compensador, uma vez que garante o recebimento do aluguel em dia, minimizando o risco de despesas extras com advogados e desembolsos para recuperar eventuais danos provocados pelo inquilino.

Tem mais: o proprietário pode definir que garantias quer ter, podendo optar pelo contrato completo, que tem custo aproximado do valor de um aluguel. O problema, neste caso, é encontrar um inquilino que aceite pagar o equivalente a 13 aluguéis por ano.

Para o locatário, no entanto, a única vantagem é ficar livre da necessidade de recorrer a amigos e parentes para alugar um imóvel ou do depósito caução. Mas o custo é elevado (em parte por conta do alto nível de inadimplência nesse segmento) e não há devolução do que foi pago (como é o caso da caução, em que o depósito é devolvido integralmente e corrigido pela poupança). E mais: além do prêmio, o inquilino precisa arcar com o IOF (4%), a despesa de emissão da apólice (em torno de R$ 65,00), mais os custos cadastrais, cobrados segundo a região (na Grande São Paulo, sai em média por R$ 22,00 para pessoas físicas e R$ 96,00 para pessoas jurídicas), todos a serem pagos junto com a primeira parcela.

Taxas cobradas nas coberturas

As taxas relacionadas abaixo são calculadas em função do valor de um aluguel e podem ser acumuladas, caso o proprietário exija todas as garantias para aceitar a locação:

Coberturas Taxas Anuais Taxas Mensais
Básica (Aluguel + Encargos) 53,00% 5,4%
Danos ao Imóvel 20,00% 2,1%
Multas Contratuais 23,00% 2,4%